A notícia em primeira mão: 01/02/21 - 01/03/21

domingo, 28 de fevereiro de 2021

Ambulância capota e deixa duas pessoas feridas na BR-070, em Águas Lindas de Goiás

 

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) capotou neste sábado (27) deixando duas pessoas feridas na BR-070, em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. Uma enfermeira que estava no veículo ficou em estado grave e o motorista teve apenas ferimentos leves.

Segundo o Corpo de Bombeiros de Goiás, o motorista teve apenas um ferimento no rosto e foi encaminhado para o hospital municipal da cidade. Já a enfermeira foi encontrada do lado de fora do veículo com várias lesões e inconsciente.

Ainda segundo os militares, uma aeronave dos Bombeiros do DF foi acionada pela equipe de Goiás para o salvamento dos feridos, mas devido às fortes chuvas na região, não foi possível fazer a decolagem e a enfermeira teve que ser levada em uma ambulância. Ela chegou a ser levada ao hospital municipal, mas foi transferida para o Hospital de Base, em Brasília.

Por não ter o nome divulgado, o G1 não conseguiu atualizar o estado de saúde dos feridos até a última atualização desta reportagem.

De acordo com a corporação, a ambulância pertence ao município de Águas Lindas de Goiás e não transportava nenhum paciente no momento do acidente. Os militares informaram que o motorista estava nervoso no local sem conseguir contar como ocorreu o capotamento. Apenas uma perícia deve definir o que ocorreu.

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2021

Ladrões em fuga batem em carro de família e matam criança de 3 anos em Águas Lindas de Goiás, diz PRF

 

Uma criança de 3 anos morreu e outras quatro pessoas da mesma família ficaram feridas durante um acidente na BR-070, em Águas Lindas de Goiás, cidade goiana no entorno do Distrito Federal. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a colisão foi causada por dois ladrões que, após assaltarem um bar, fugiram pela rodovia, mas perderam o controle do veículo e bateram de frente contra o carro onde estavam um casal e os três filhos.

O acidente aconteceu na noite de segunda-feira (8), por volta das 20h. De acordo com a PRF, a criança chegou a ser socorrida e encaminhada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Municipal Bom Jesus, em Águas Lindas de Goiás. Porém, ao chegar na unidade de saúde, sofreu uma parada cardíaca e não resistiu.

Ainda segundo da corporação, a mãe e as outras duas crianças, uma menina de 6 anos e um menino de 4, que não usavam cinto de segurança no momento do acidente, foram encaminhadas, com lesões leves, para o Hospital de Base de Brasília.

Já o pai, também com lesões leves, foi encaminhado para o Hospital Municipal Bom Jesus. Como os nomes dos feridos não foram divulgados pela PRF, o G1 não conseguiu atualizar o estado de saúde deles até a última atualização desta reportagem.

Carro fica completamente destruído após batida na BR-070, em Águas Lindas de Goiás — Foto: Divulgação/PRF

Carro fica completamente destruído após batida na BR-070, em Águas Lindas de Goiás — Foto: Divulgação/PRF

Assalto

De acordo com a Polícia Militar, minutos antes da batida, dois homens armados haviam anunciado um assalto em um bar da cidade. Segundo a corporação, os criminosos mantiveram os clientes dentro do estabelecimento enquanto furtavam os objetos pessoais deles. Um dos consumidores conseguiu entrar em contato com um familiar, que chamou a polícia.

Conforme o relato dos policiais no boletim de ocorrência, assim que a equipe chegou ao local, os criminosos fugiram levando a caminhonete de um dos clientes. A corporação informou ainda que, no momento da fuga, chovia bastante no local, o que pode ter contribuído para que os criminosos perdessem o controle do veículo.

Após colidirem contra o carro onde estava a família, a caminhonete caiu em uma ribanceira. Mesmo assim, os criminosos conseguiram fugir. Segundo a corporação, nenhum deles foi localizado até as 8h desta terça-feira (9). A Polícia Civil de Águas Lindas informou que vai instaurar um inquérito para apurar tanto o assalto, quanto o acidente.

Leia também