A notícia em primeira mão: 01/11/18 - 01/12/18

.

.

HORA CERTA

quinta-feira, 29 de novembro de 2018

No Distrito Federal, número de mortes causadas por Aids cai 13,5% em um ano

Distrito Federal registrou uma redução de 13,5% no número de mortes causadas pela Aids, segundo o Boletim Epidemiológico divulgado pelo Ministério da Saúde nesta terça-feira (27). Em 2017, síndrome foi causa básica de 96 óbitos na capital. Hoje, o índice divulgado foi considerado o mais baixo registrado na capital desde o início da série histórica. Para o ministério, a ampliação do acesso à testagem e a redução do tempo entre o diagnóstico e o início do tratamento são razões para a queda. O diagnóstico precoce é importante para que a pessoa com o vírus HIV não desenvolva Aids e controle o vírus no organismo com os remédios disponíveis. Segundo os dados, o Brasil também registrou uma redução de 16% no número de detecções de Aids nos últimos seis anos. Em 2012, a taxa de detecção era de 21,7 casos por cada 100 mil habitantes e, em 2017, foram 18,3, uma queda de 15,7%. O boletim ainda mostra a diminuição da transmissão vertical do HIV, quando o bebê é infectado durante a gestação. Foi informado pelo Ministério da Saúde que, a partir de janeiro, haverá na rede pública a oferta do autoteste de HIV para populações- -chave. E, foi orientado que em caso de teste positivo o usuário busque o serviço de saúde para testes complementares.

 

quarta-feira, 28 de novembro de 2018

UBS Águas Lindas II realiza evento Novembro Azul com apoio de acadêmicos da Faculdade JK





Dentro da programação da campanha Novembro Azul que trata sobre a saúde do homem e combate ao câncer de próstata, a equipe da Unidade Básica de Saúde Águas Lindas II, realizou na última semana uma série de atividades com direito a palestra ministrada por acadêmicos do curso de enfermagem da Faculdade JK.
A coordenadora da unidade, enfermeira Téo Lourdes, informou que o evento visa chamar atenção do público alvo para a necessidade da realização de exames preventivos para identificar precocemente o câncer de próstata. “Para a maioria dos homens, recomenda-se que esses exames comecem a ser feitos aos 50 anos, e que sejam repetidos anualmente. Agradeço o apoio do secretário de Saúde, Eduardo Rangel, do secretário de Habitação, Giovanne Machado e dos acadêmicos da Faculdade JK pelo apoio para a realização deste evento que traz muitas informações para a comunidade”, disse a coordenadora.
A enfermeira Gleyciany Silva, preceptora dos Acadêmicos de Enfermagem JK, disse que os alunos tem a oportunidade de interagir e colocar em prática o conhecimento adquirido. “A palestra traz informações e derruba mitos acerca da saúde do homem, os alunos ministram e realizam esta intensa troca de experiências com o público. Também é muito gratificante poder contribuir com esta comunidade”, falou.
Fotos: ASCOM 


O evento contou também com a palestra da odontóloga da unidade, Drª Fernanda Carvalho Brito, que falou sobre os cuidados com a saúde bucal. Estiveram prestigiando o evento a diretora de Atenção Básica da SMS, enfermeira Taianny da Silva, servidores da UBS, Dra. Vanessa Salomão Coordenadora da Odontologia da SMS. O evento contou com ótima participação da comunidade que ao final se deliciou com um belo café da manhã.
Da Assessoria de Comunicação da Prefeitura

Prefeitura de Águas Lindas realiza 1° Encontro Municipal de Administração Tributária





Fotos: ASCOM
Por meio da Secretaria Municipal da Fazenda e Planejamento, a Prefeitura de Águas Lindas realizou um grande evento destinado a todos os comerciantes, profissionais autônomos e contadores do município. O principal objetivo é apresentar e promover o treinamento para a utilização do novo módulo do sistema online da área tributária com vista a facilitar e agilizar todos os processos que ali tramitam.
Fotos: ASCOM
Fotos: ASCOM
O secretário da Fazenda, Sérgio Luiz, informou que o encontro foi abordado desde o treinamento do novo Sistema de Emissão da Nota Fiscal Eletrônica, apresentação da Regulamentação da Nota Fiscal Eletrônica no município, lançamento do Programa Alvará Fácil e Educação Fiscal. “Esse contato inicial visa estabelecer um melhor relacionamento com os contribuintes e melhorar os serviços prestados de arrecadação municipal. Também foi estabelecida a data limite para que todos migrem para o novo módulo que é até 03 de dezembro, depois disto eles não terão mais acesso ao sistema”, informou o secretário.
A parte da manhã foi dedicada ao treinamento e explicação do Manual de Emissão de Nota Fiscal Eletrônica e Nota Fiscal Avulsa no Sistema ProData utilizado pelo município. A programação da tarde contou com a apresentação das regras da Nota Fiscal Eletrônica, como e quando ocorrerá a inserção do Programa Alvará Fácil e, por fim, apresentação do Programa Municipal de Educação Fiscal em função da adesão do município à Política Nacional de Educação Fiscal no qual o município irá atuar em conjunto com Grupo de Educação Fiscal do Estado de Goiás a fim de criar o Grupo de Educação Fiscal Municipal.
Fotos: ASCOM
O seminário aconteceu no Espaço das Águas, localizado as margens da BR 070 no Setor 01. O evento foi realizado pela Prefeitura de Águas Lindas que vem constantemente buscando a modernização dos sistemas de processamento de dados com intuito de melhorar o atendimento ao público, e ofertar treinamento para servidores e usuários.
Da Assessoria de Comunicação da Prefeitura


Encerramento de programas acontece com 1º Seminário BIAE de Águas Lindas




Fotos: ASCOM
Fotos: ASCOM
Encerramento de programas acontece com 1º Seminário BIAE de Águas Lindas
O auditório da Secretaria Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia ficou lotado de professores da rede municipal de ensino para prestigiar o 1º Seminário do BIAE e contou com palestra da renomada escritora Fabiana Lagar.
O evento aconteceu na última semana e marcou o encerramento da jornada de recuperação e alinhamento educacional das equipes do BIAE e do PAE. Esses dois projetos, entre tantos outros são considerados um marco estratégico de inclusão, formação e desenvolvimento educacional e impulsionou a melhora significativa dos resultados da rede municipal de ensino.
Estiveram na formação da mesa às coordenadoras do PAE, Rudimila Borges, do BIAE, Edilene Barbosa, a chefe do Dep. Campo, Sara Diolindo, o ex-diretor Pedagógico Francisco de Assis e a renomada escritora Fabiana Lagar.
O evento contou com a participação de mais de 400 professores, o que demonstra o sucesso desses projetos. A apresentação de um grupo de alunos que compõem as turmas do PAE que no inicio do ano letivo 2018 eram crianças que não sabiam ler e nem escrever emocionou a todos os presentes.
O projeto é considerado um sucesso, essas crianças estavam nas avaliações no patamar de 0 a 1 ponto, hoje alcançando médias entre 4 a 8 pontos nas avaliações. O quê superou os objetivos que era uma média entre 3 e 6 pontos. Este momento foi pautado na emoção, alunos, professores e toda a equipe estavam com os olhos marejados.
O ex-diretor pedagógico, Francisco de Assis, visivelmente emocionado falou, “quanta emoção, ver aquelas crianças inclusas socialmente no contexto de cidadania. São mais de 800 crianças no projeto, e o que antes era um agravo social, passou a ser uma alegria coletiva, familiar e escolar. Esses professores são agora centelhas divinas, pois levam consigo o resgate de centenas de seres que poderiam se perder”, disse.
Fotos: ASCOM
Os projetos BIAE, PAE e Evasão Escolar foram encerrados através de portaria emitida pela Secretaria de Educação em virtude da falta de recursos para sua continuidade. O secretário de Educação, Deusimar Macedo, disse que em 2019 com a melhora na arrecadação estes projetos devem voltar, uma vez que excelentes resultados foram alcançados e parabenizou toda rede por aceitar o desafio de melhorar a qualidade do ensino ofertado na rede.
Da Assessoria de Comunicação da Prefeitura


quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Secretaria de Meio Ambiente desenvolve ações para garantir proteção ambiental


A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMMA) é responsável pela fiscalização ambiental no município, buscando induzir a mudança do comportamento das pessoas por meio da coerção e do uso de sanções, pecuniárias e não pecuniárias, para induzirem o comportamento social de conformidade com a legislação e de dissuasão na prática de danos ambientais.
A fiscalização ambiental é necessária para reprimir e prevenir a ocorrência de condutas lesivas ao meio ambiente. Ao punir aqueles que causam danos ambientais, a fiscalização ambiental busca inibir atos lesivos ao meio ambiente. A aplicação de multas, apreensões, embargos, entre outras medidas, tem o objetivo de impedir o dano ambiental, punir infratores e evitar futuras infrações ambientais.
A SEMMA é competente para lavrar auto de infração ambiental e instaurar o processo administrativo de apuração da infração na esfera administrativa, através de denúncias feitas pela própria sociedade e até mesmo por denúncias através do Ministério Público, visando sempre o bem de interesse difuso, o meio ambiente ecologicamente equilibrado para todos.
O processo administrativo sancionador é o rito da administração pública de responsabilização administrativa ambiental decorrente de condutas e atividades que transgridam as normas, com a aplicação de sanções. No caso da SEMMA, o procedimento para apuração das infrações ambientais pode ser organizado em quatro etapas: detecção da conduta lesiva ao meio ambiente (através de vistorias in loco), ação fiscalizatória (emissão de auto de advertência, auto de infração ou termo de embargo), julgamento (verificando-se a legalidade da ação fiscalizatória, emitindo decisões) e execução das sanções (impondo ao autuado a obrigação de recuperar o dano causado, e/ou cobrança de multa), sempre respeitando o contraditório e a ampla defesa.
Somente neste ano, a SEMMA, por meio de efetiva fiscalização, já atendeu mais de 135 denúncias de possíveis atividades potencialmente lesivas ao meio ambiente, dentre elas estão denúncias de extração irregular de minérios, soterramento de nascentes, parcelamento de loteamentos dentro da Área de Proteção Ambiental Bacia do Rio Descoberto (APARD), construção/implantação de obras e atividades utilizadoras de recursos ambientais, sem a devida licença ou autorização do órgão ambiental, causar poluição de qualquer natureza em níveis tais que resultem ou possam resultar em danos à saúde humana, ou que provoquem a mortandade de animais ou a destruição significativa da biodiversidade, dentre outras tipificações elencadas na legislação ambiental vigente. E ao constatar sua veracidade, sanções punitivo-coercitivas estão sendo tomadas, e são apuradas a fim de coibir e impedir o dano ambiental e evitar futuras infrações ambientais, garantindo e preservando o meio ambiente.


Grandes nomes do Marketing Político cogitam parceria em projetos futuros

A última campanha eleitoral agitou o cenário político brasileiro e apesar do grande destaque ter ficado por conta dos presidenciáveis, outras figuras também consagraram seus nomes no meio político. Uma das figuras de destaque nesta campanha foi o do especialista em Marketing Político Eleitoral e CEO da RG Organics, Rodrigo Gadelha. Rodrigo construiu uma carreira de sucesso tornando-se o número um em marketing digital em todo o Brasil. Mas o que movimentou as mídias digitais esta semana foi o recente encontro entre Rodrigo Gadelha e Marquinhos Marques. Marquinhos que é bastante conhecido no Marketing Político da região do Entorno de Brasília e estado de Goiás, também possui na carreira campanhas de sucesso com nomes como o de Hildo do Candango e diversas prefeituras do Entorno Sul. Com o encontro podemos esperar uma parceria entre os dois marqueteiros em alguns projetos a nível nacional e estadual. Sabemos que a renovação política tem acontecido por meio da internet e com dois nomes de peso trabalhando juntos podemos esperar projetos grandiosos na política do país.

segunda-feira, 5 de novembro de 2018

ELEIÇÕES DE MEIO MANDATO ACONTECEM NESTA TERÇA-FEIRA (6) E TRUMP TENTA PERMANECER

Eleições de meio mandato acontecem nesta terça-feira (6) e Trump tenta permanecer

Leia também