A notícia em primeira mão

sexta-feira, 3 de abril de 2020

CORONAVÍRUS NO ENTORNO



CORONAVÍRUS NO ENTORNO Prefeito Hildo conseguiu Hospital de Campanha para o Entorno Dimas Ferreira - Águas Lindas de Goiás, Região do Entorno do Distrito Federal, foi a escolhida para receber o primeiro Hospital de Campanha da União. O anúncio foi feito na noite de terça- -feira, dia 31, pelo prefeito Hildo do Candango. Hildo que também é presidente da Associação dos Municípios Adjacentes à Brasília (AMAB), que representa 33 municípios goianos e mineiros. Agradeceu a iniciativa da União. “Agradecemos ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta e o governador Ronaldo Caiado por ter atendido o nosso pedido, e pela atenção com a nossa região, que carece tanto de investimentos, principalmente na área da saúde. E sem esse apoio, a nossa população sofreria ainda mais com esta pandemia”, ponderou Hildo. Na última reunião com o governador Caiado, por meio de uma videoconferência com prefeitos do Entorno, Hildo solicitou uma atenção especial para a região, pois afirmou não ter capacidade física para atender a demanda que será crescente, durante o período. O prefeito disse ainda que o ideal seria a conclusão do Hospital Regional, o Hugo 09, quase pronto, mas que está com a obra parada, porém entende a gravidade da situação, que pede urgência nas ações. “O importante é salvar vidas pois uma vida não tem preço, e o hospital de Campanha será muito bem-vindo. A nossa região é carente de ações como esta. Estamos distantes da capital goiana, e o deslocamento de pacientes para tratar o coronavírus seria inviável, por se tratar de uma doença grave, e todo tempo é precioso”, argumentou o prefeito de Águas Lindas. Para ele, o momento pede ações rápidas. “Esta é uma questão emergencial, e os doentes de nossa cidade terão atendimento especializado, e a conquista do Hospital de Campanha é uma vitória para nossa região. O que vale é quantas vidas serão salvas. Além disso, receberemos muito bem os pacientes vindos da região. Afinal, é hora de nos unirmos, não é tempo de politicagem, é tempo de lutar por vidas”, finalizou Hildo. A área que irá receber o hospital tem 10 mil m² já está sendo nivelada, e ficará pronta nos próximos dias. Os esforços conjuntos são essenciais para a contenção e tratamento da doença. O Hospital de Campanha de Águas Lindas servirá como referência para outros estados

Notícia de Goiás





Notícia de Goiás – Conselho Estadual de Educação suspende aulas
presenciais até o dia 30 de abril devido a COVID-19
O Conselho Estadual de Educação (CEE) determinou que as atividades
educacionais dentro das unidades escolares em Goiás continuem suspensas
pelo menos até o dia 30 de abril para evitar o aumento dos casos do novo
coronavírus (COVID-19) nos municípios goianos.
De acordo com o presidente do CEE, Flavio Roberto de Castro, a decisão foi
tomada após conversas com a Secretaria de Estado de Saúde de Goiás (SES-
GO) e com o governador Ronaldo Caiado, antes mesmo de uma nova edição
do decreto estadual que determinou as medidas de isolamento social em todo
o Estado e que vale até sábado.
“Não temos condição de retornar as aulas agora. A estimativa é que ainda
vamos ter um pico de casos neste mês e temos de preservar a saúde, cuidar
dos funcionários, dos professores, dos alunos e familiares”, declarou.
A determinação do CEE é que as escolas continuem com as aulas não
presenciais ou realizadas por meio de tecnologias para não deixar os alunos na
ociosidade. A medida abrange todo o ensino básico e o ensino superior regido
pelo sistema estadual. O presidente lembra que o que se tem feito é uma
adaptação do modelo pedagógico.
“É um processo novo, estamos criando os critérios dentro disso, trocando os
pneus com o carro rodando. Estamos evoluindo ainda e temos a certeza que
depois os alunos vão exigir estas aulas não presenciais, o que é uma realidade
em muitos locais. Os alunos vão querer ter as videoaulas e os materiais para o
reforço em casa depois. A parte positiva é que estamos nos preparando para
isso”, conta.
A Secretaria Estadual de Educação (Seduc) tem seguido rigorosamente o
decreto estadual, de acordo com a secretária Fátima Gavioli. “No dia 4 o
governador deve editar o decreto, sabemos que vai permanecer algumas
coisas fechadas e outras não e estamos nos preparando para qualquer
situação”. Segundo ela, as aulas não presenciais são regulamentadas pelo
CEE e podem ser por interação por tecnologia (aplicativos de mensagens,

redes sociais ou videoaulas, pela televisão ou internet) ou com preparação de
materiais impressos.
Na rede estadual, 83% das escolas estão em atividades com o professor em
grupos pela internet e os outros 17% recebem o material em casa, sendo por
fotos dos murais das escolas ou materiais impressos, que podem até ser
entregues pela Seduc com apoio até mesmo da Polícia Militar (PM).
A determinação do CEE é que, assim que a suspensão das atividades
presenciais acabar, os alunos passem por avaliações para verificar o nível de
aprendizagem. Na rede estadual, após o retorno das aulas será feito uma
semana apenas com o reforço de conteúdos dados com as aulas não
presenciais e, depois, haverá uma avaliação para medir o nível de
aprendizagem.
O presidente da Associação dos Municípios Adjacentes à Brasília (AMAB), e
prefeito de Águas Lindas de Goiás, Hildo do Candango, ressaltou a importância
das videoaulas diante da pandemia de coronavírus (COVID-19).
“Os efeitos da pandemia do novo coronavírus suspendeu as aulas de mais de
1,5 bilhão de estudantes ao redor do mundo para reduzir o risco de contágio e
disseminação da COVID-19. No Brasil, o MEC autorizou a utilização de meios
e tecnologias digitais para a substituição temporária das aulas presenciais
pelos próximos dias. Esse momento exige a colaboração e empenho de todos
nós. Vários municípios goianos, estão adotando essa nova ferramenta para
manter os alunos estudando durante o isolamento social. Em Águas Lindas,
por exemplo, os professores receberam notebooks e os alunos terão aulas por
videoconferência”, diz Hildo.
Acompanhe mais informações nas redes sociais do prefeito Hildo do
Candango.

quinta-feira, 2 de abril de 2020

Saúde terá mais R$ 35 milhões para contratar UTIs privadas

Saúde terá mais R$ 35 milhões para contratar UTIs privadas A convocação para os interessados apresentarem suas propostas foi divulgada na edição de quarta-feira (1°) do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). A contratação dos leitos com o setor privado será anual, via credenciamento, com a possibilidade de ser prorrogada. O edital possibilita ainda que qualquer instituição privada capacitada possa participar da convocação. A rede pública de saúde do DF conta, atualmente, com 500 leitos de UTI. No cenário de pandemia do coronavírus, estão disponíveis 50 leitos para pacientes com Covid-19, sendo 10 pediátricos no Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB). Nos próximos dias, serão disponibilizados mais 10 leitos em hospitais privados, já com suporte respiratório. No Hospital da Polícia Militar também vão ser oferecidos 80 leitos, outros 70 no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) e mais 30 no Instituto de Cardiologia do Distrito Federal (ICDF). No Hospital Regional da Asa Norte (Hran), outros 10 leitos foram habilitados pelo Ministério da Saúde e serão utilizados para atender pacientes com a Covid 19. Ainda como suporte aos afetados pelo coronavírus, está em andamento a compra de 300 ventiladores pulmonares para os principais hospitais públicos do DF. Além disso, 200 leitos de retaguarda serão disponibilizados pela Secretaria de Saúde no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha. Eles serão voltados aos pacientes que receberam alta das UTIs mas ainda estão em recuperação e não podem voltar para casa. A previsão inicial é que parte desses leitos esteja disponível à população nos próximos 15 dias.
                                                                                                                               
                                                                                                                                   Agência Brasília

Notícia de Águas Lindas e Entorno




Notícia de Águas Lindas e Entorno – Hildo do Candango destaca
importância do hospital campanha para os moradores do Entorno
O presidente da Associação dos Municípios Adjacentes à Brasília (AMAB), e
prefeito de Águas Lindas de Goiás, Hildo do Candango, está atuando de
maneira rápida e eficaz para assegurar a saúde de todos os moradores do
Entorno do Distrito Federal.
A notícia que Águas Lindas de Goiás ganharia um hospital de campanha para
tratar a COVID-19 dividiu a população. Na tarde desta quarta-feira (1), o
prefeito Hildo do Candango acompanhado do secretário Municipal de Saúde,
Eduardo Rangel usou as redes sociais para responder as dúvidas da
população em relação a esta construção.
Os questionamentos foram: Quantos dias levará para esse hospital de
campanha ser entregue a população? E se fosse o Hospital Regional HUGO-9,
quanto tempo levaria para finalizar a obra? As obras do HUGO-9 serão
retomadas? Em relação ao custo desta obra, não está sendo um gasto
desnecessário, já que temos o HUGO-9 e esse investimento poderia estar
sendo feito nele?
De acordo com o prefeito Hildo, a expectativa do governador Ronaldo Caiado é
que essa obra esteja a comando do Ministério de Desenvolvimento Social
através do ministro Tarcísio a partir desta quinta-feira (2), onde iniciará a
construção desse complexo que terá 200 leitos.
“Águas Lindas ganhará um hospital modular, uma estrutura de projeto que já foi
testado em outras regiões e que virá para nossa cidade. A expectativa é que
nós tenhamos isso ai entre 15 e 20 dias já com pronto atendimento para estar
atendendo os pacientes suspeitos com casos de coronavírus”, declarou.
Quando questionado sobre o prazo que levaria para finalizar a obra do Hospital
Regional de Águas Lindas – HUGO 9, o prefeito Hildo do Candango ressaltou a
fala que teve com o governador Ronaldo Caiado.
“Ele me disse agora pouco que trouxe essa obra para responsabilidade do
gabinete dele porque há uma preocupação emergencial de entregar esse
hospital. Hoje nós temos cerca de 80 a 85% das obras concluídas e

precisaríamos de pelo menos 90 dias para finalizar tudo. Então, nós vamos
ter um hospital de 15 a 20 dias. E entre 70 a 80 dias nós não sabemos quantos
casos de coronavírus vão acontecer. Nós queremos estar preparados nesse
momento com esse hospital de campanha e queremos sim, juntamente com o
governador entregar ainda esse ano o Hospital Regional – HUGO 9”, disse.
Na ocasião, o prefeito Hildo do Candango e o secretário de Saúde, Eduardo
Rangel ressaltaram que esse vírus vai fazer parte da rotina do mundo e os
municípios do Entorno precisam estar preparados agora com o hospital de
campanha e também pós hospital de campanha, com o HUGO-9.
“O governador entendeu dessa urgência, dessa emergência, do pedido meu
quanto prefeito, do secretário de saúde, da população que teve aqui no local
falando isso também. Pode ter certeza, é uma vontade e um desejo muito
grande de todas autoridades envolvidas nesse projeto de entregar o mais
rápido possível as obras do Hospital Regional HUGO-9”, afirmou.
Quando questionado sobre o custo desta obra, Hildo afirmou que o recurso
desprendido é muito pequeno e levantou o questionamento: Quanto custa uma
vida?
“Nós só estamos curtindo aqui a terraplanagem. Aqui tem máquinas de várias
parcerias. São construtores que estão fazendo obras pela cidade e nós através
do secretário de Obras, Dinando, convocamos para este momento emergencial
para que pudessem dar sua contribuição aqui. O recurso desprendido nessa
obra é muito pequeno, mas gostaria de voltar a pergunta: Quanto custa uma
vida? Será que estamos preparados para essa pandemia? A vida não tem
preço. Nós vamos sim instalar o hospital de campanha na nossa cidade com
apoio do ministro Mandetta, do governador Ronaldo Caiado e com
envolvimento de toda secretaria e servidores”, finalizou.
Atualmente a região do Entorno do Distrito Federal sofre com a fragilidade da
saúde pública. O aumento do número de casos nos municípios adjacentes à
Brasília superlotaria os hospitais e colocaria em risco a saúde da população. O
presidente da AMAB, Hildo do Candango agradeceu o empenho agradeceu o
empenho de todas as autoridades e profissionais da saúde.

“Quero agradecer o empenho de todas autoridades e de cada servidor da
saúde, que tem se desdobrado para atender a população e não mede esforços
se é dia ou se é noite. Quero mais uma vez, agradecer a todos vocês”,
concluiu.

quarta-feira, 1 de abril de 2020

Cerca de 600 equipamentos de proteção individual foram doados à Prefeitura de Águas Lindas


Cerca de 600 equipamentos de proteção individual foram doados à
Prefeitura de Águas Lindas

Aos profissionais da área da saúde, cozinha e de serviços de limpeza urbana
de Águas Lindas foram doados equipamentos de proteção individual (EPI).
Estes materiais foram cedidos pelo Doutor Guilherme à Prefeitura Municipal de
Águas Lindas.
Os equipamentos doados são duzentos macacões emborrachados da
categoria A, de polietileno, com botas acopladas. Estes são utilizados
principalmente por profissionais da limpeza urbana, saneamento e/ou serviços
gerais contra respingos de produtos químicos, animais peçonhentos e para
desinfecções de ambientes onde tenha o risco do Coronavírus. E foram doados
também quatrocentas tocas indicadas para uso de profissionais de serviços
gerais, de hospitais e de cozinha.
Hildo do Candango, prefeito de Águas Lindas, ao receber o doutor Guilherme
em seu gabinete, agradeceu as doações. “Em nome de toda população e dos
nossos secretários municipais, agradeço o gesto de nobreza do Dr. Guilherme.
Ainda mais em meio a esta pandemia do Coronavírus e a necessidade com
que estes insumos são utilizados por nossos profissionais. Somos gratos pela
atenção para com a nossa cidade”, descreveu alegremente o prefeito.

SAUDE

Saúde

Atualização dos casos de doença pelo coronavírus (Covid-19) em Goiás - 01/04/2020

Atualização dos casos de doença pelo coronavírus (Covid-19) em Goiás - 01/04/2020

Governo de Goiás, por meio da SES-GO, monitora sistematicamente suspeitas de novos casos
 
 
A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) informa que há 73 casos de doença pelo coronavírus 2019 (Covid-19) confirmados em Goiás por critério laboratorial. Destes, há um óbito confirmado. No Estado, há 2.333 casos suspeitos em investigação. Outros 845 já foram descartados.
Os casos confirmados foram registrados nos municípios de Águas Lindas de Goiás (1), Anápolis (4), Aparecida de Goiânia (2), Caldas Novas (1), Campestre (1), Catalão (1), Cidade Ocidental (1), Goianésia (1), Goiânia (42), Itumbiara (2), Jataí (2), Luziânia (1)*, Paranaiguara (1), Rio Verde (7), Silvânia (1), Trindade (1) e Valparaíso de Goiás (4).
Há 7 casos confirmados internados. Destes, nenhum está na rede pública e 7 estão na rede privada**. Há ainda 92 casos em investigação que encontram-se internados; destes, 26 estão na rede pública e 66 na rede privada.
Há, até o momento, 1 óbito confirmado e 7 óbitos em investigação, sendo (1) em Araçu, (4) Goiânia, (1) em Mineiros e (1) em Valparaíso de Goiás. Já foram descartados 2 óbitos, sendo (1) em Águas Lindas de Goiás e (1) em Senador Canedo.
Os registros estão no banco de dados do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) de Goiás. Ressalta-se que os números são dinâmicos e, na medida em que as investigações clínicas e epidemiológicas avançam, os casos são reavaliados, sendo passíveis de reenquadramento na sua classificação.
O Governo de Goiás, por meio da SES-GO, monitora sistematicamente  suspeitas de novos  casos de Covid-19, seguindo rigorosamente as orientações do Ministério da Saúde para a identificação de novos registros.

sábado, 28 de março de 2020

Conheça os serviços do CRAS e do CREAS e entenda como estes podem ajudar os cidadãos e as suas famílias, desde situações de desemprego, doença até a falta de acesso ao mercado de trabalho.


Conheça os serviços do CRAS e do CREAS e entenda como estes podem ajudar os cidadãos e as suas famílias, desde situações de desemprego, doença até a falta de acesso ao mercado de trabalho.
O CRAS
CRAS é o Centro de Referência de Assistência Social e o CREAS é o Centro de Referência Especializado de Assistência Social.
No CRAS os principais serviços são os de inscrição e atualização no Cadastro Único, solicitação e entrega da Carteira do Idoso, solicitação do BPC e do Programa Bolsa Família, solicitação da Tarifa Social de Energia, atendimento psicológico, visitas domiciliares, entre outras atividades, tais como: rodas de conversa e até projetos com gestantes, como ocorre em Águas Lindas. Os serviços do CRAS visam prevenir a ocorrência de situações de risco social para as famílias e prestar orientações para que estas adquiram autonomia, onde possa garantir a manutenção de cada indivíduo membro destas famílias.
O CREAS
No CREAS os principais serviços são os de proteção social para vítimas de alguma violência física, sexual ou psicológica, de abandono, negligência, descriminação social e maus tratos.
Também oferece orientação social para adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa de Liberdade Assistida (LA) e de Prestação de Serviços à Comunidade (PSC). Atende também pessoas em situação de rua.
Os serviços do CREAS atuam na orientação de indivíduos que sofreram ou estão passando por uma violação de seus direitos e que necessitam de proteção social, como por exemplo: serem abrigadas por motivos de risco à sua vida. No CREAS também são realizadas visitas domiciliares e atendimento psicológico.
Diferenças entre estas unidades
Essa é a diferença entre o CRAS e o CREAS. O CRAS atua na prevenção da ocorrência de risco sociais das famílias e indivíduos, já o CREAS atua na proteção social de indivíduos que tiveram os seus direitos violados e correm riscos contra a própria vida ou contra a comunidade.
Ambas as unidades possuem equipe especializada para os atendimentos. Estes ocorrem de forma individual e as informações são sigilosas, tendo acesso as mesmas somente as equipes que tratarão da resolução dos casos, podendo também enviarem encaminhamentos para outros órgãos que auxiliarão nestes casos.
Porém há também reuniões coletivas que abordam diferentes temáticas de interesse do público atendido, estas são: a de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF) e a de Proteção e Atendimento Especializado à Famílias e Indivíduos (PAEFI).
Onde encontrar
As unidades CRAS do município são: CRAS Barragem 2, no bairro Jardim da Barragem 2, no CRAS CEU, no bairro Setor 11 e no CRAS Santa Lúcia, no bairro Santa Lúcia. Já a unidade CREAS está localizada no setor 2.
Para solicitar qualquer um dos serviços o requerente deve ir até uma destas unidades, seja CRAS ou CREAS para receber informações sobre os serviços que se deseja adquirir ou conhecer.

Avenidas comerciais recebem serviços de varrição e recolhimento de lixo






Avenidas comerciais recebem serviços de varrição e recolhimento de lixo

A Prefeitura de Águas Lindas por meio da Secretaria de Meio Ambiente e da
Secretaria de Obras, orienta os moradores a conservar a limpeza urbana da
cidade, para que haja preservação da paisagem e da saúde coletiva.
Uma cidade limpa garante bem-estar aos cidadãos, que podem manter a
segurança da sua saúde e de seus familiares, sem correr riscos por conta de
contaminação ou até mesmo contraírem doenças como a dengue.
A manutenção da limpeza urbana não é uma responsabilidade somente da
Prefeitura por meio da Secretaria de Obras, que realiza os serviços de limpeza
urbana, da Secretaria de Saúde por coordenar os serviços de vigilância
epidemiológica ou da Secretaria de Meio Ambiente por orientar os cidadãos
com relação aos cuidados para com o município.
O compromisso de conservação da limpeza urbana também é da população
águaslindense, que deve evitar jogar lixo em terrenos vazios, mesmo que não
tenha placas indicativas de proibição.
O acúmulo de lixo em áreas inapropriadas atrai pequenos animais, insetos e
mau cheiro, assim como bocas de lobo sujas, por conta do lixo que é levado
pela enxurrada, durante períodos chuvosos, gerando além de riscos à saúde,
impacto visual negativo nestas regiões, por causa da sujeira, forte odor e até
alagamentos.
O dever de realizar manutenção da limpeza urbana em Águas Lindas é de
todos. Auxilie no seu bairro, não jogando lixo em terrenos vazios. Colabore
para o bem-estar de todos, inclusive o seu. Compartilhe dessa ideia. Seja um
cidadão consciente.

sexta-feira, 20 de março de 2020

PRF estende prazos para apresentação de defesa e interposição de recursos contra multas - Jornal O Popular

Os prazos relacionados ao processamento de multas da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram prorrogados de 30 pra 90 dias. Os prazos estendidos se referem a serviços com apresentação de defesa de autuação, interposição de recurso, identificação de condutor infrator e regularização de veículos com documentação retida, entre outros. A medida, em vigor desde esta quinta-feira (18), foi motivada pela pandemia do novo coronavírus. As novas datas são válidas para os prazos com vencimento posterior a 13 de março de 2020. Segundo a PRF, todas as notificações serão reenviadas com o novo prazo e as novas notificações serão emitidas com prazo estendido, enquanto durarem as ações de contenção relativas à pandemia. A corporação também estendeu o prazo para apresentar um veículo regularizado após uma autuação, que vai de 5 para 90 dias. Somente após esse prazo, diz a PRF, o proprietário poderá ser autuado por desobediência, infração de trânsito de natureza grave. A instituição reforça que uma parte significativa de seus serviços administrativos está disponível à distância. Usuários podem, por exemplo, apresentar recursos, indicar condutor que cometeu infrações, imprimir boletos e registrar acidentes sem vítimas através da internet e dos Correios.

Por coronavírus, CMTC quer parar transporte coletivo em Goiânia e região - Jornal O Popular

A Companhia Metropolitana de Transportes Coletivo (CMTC) vai pedir ao governo estadual que interrompa o serviço de transporte coletivo na região metropolitana de Goiânia, que engloba a capital e mais 18 cidades no entorno. O presidente da companhia, Benjamin Kennedy, explicou ao POPULAR que tenta uma agenda com o governador Ronaldo Caiado (DEM) e ao secretário Ismael Alexandrino (Saúde) para apresentar a proposta. Em nota à imprensa, a CMTC afirma entender que “se faz necessária ação mais drástica no sistema de transporte para que não ocorra a propagação do vírus”, no caso a suspensão dos ônibus, tirando-os de circulação. A sugestão da companhia coincide com a queda de 50% do número de viagens pagas no transporte coletivo nesta semana. De acordo com a CMTC, foram 368.204 passageiros que pagaram pela viagem no dia 12 contra 185.100 no dia 19. A CMTC havia autorizado inicialmente as empresas a reduzirem em 20% a frota de ônibus em circulação, mas tanto a Defensoria Pública do Estado de Goiás (DPE-GO) como o Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) acionaram o órgão para voltar atrás na autorização, principalmente no horário de pico. A DPE-GO já entrou com uma ação civil pública na Justiça pedindo o retorno integral da frota. E hoje o presidente da CMTC tem uma reunião no MP-GO para tratar do assunto. Atualmente a frota estaria com uma redução de 14%. Tanto a defensoria como o ministério afirmam que é importante neste momento de avanço do coronavírus garantir que haja ônibus sem estar superlotado, nem mesmo com algum passageiro em pé. Kennedy argumenta que com a suspensão das aulas e de boa parte do funcionamento do comércio, a demanda de passageiros tem apresentado uma grande queda. “Em reuniões na CMTC, as empresas solicitaram uma redução de frota bem maior que os 20% iniciais, percentual que foi revisto diante da movimentação que permaneceu nos terminais e pontos de embarque e desembarque”, explicou a CMTC por meio de nota. Agora a companhia defende a paralisação do transporte coletivo. “Para a CMTC, esta é a única forma de fazer o usuário permanecer em casa. Para se ter uma ideia da situação, as gratuidades (idoso, estudante e portador de deficiência) permanecem sendo validadas no sistema, ou seja, beneficiados continuam usando o ônibus mesmo com recomendações de atenção e cuidado vindas da área de saúde pública. O percentual dessa parcela usuária caiu apenas 64%”, afirma em nota. Em nota, a Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (RMTC), que representa as emrpesas de ônibus, informou que houve uma queda e contínua na demanda do transporte coletivo na região metropolitana diante do cenário de avanço do novo coronavírus. De acordo com as emrpesas, nesta quinta o índice de queda atingiu 58%.

quarta-feira, 18 de março de 2020

Covid-19: saiba a diferença entre quarentena e isolamento

Em meio à pandemia do novo coronavírus pelo mundo, uma das grandes dúvidas está na diferença entre quarentena e isolamento. De acordo com a Portaria nº 356/3020 do Ministério da Saúde, a quarentena tem como objetivo garantir a manutenção dos serviços de saúde em local certo ou determinado. 
A medida é um ato administrativo, estabelecido pelas secretarias de Saúde dos estados e municípios ou do ministro da Saúde e quem determina o tempo são essas autoridades. “A medida é adotada pelo prazo de até 40 dias, podendo se estender pelo tempo necessário”, diz o documento.

Isolamento

Já o isolamento serve para separar pessoas sintomáticas ou assintomáticas, em investigação clínica e laboratorial, de maneira a evitar a propagação da infecção e transmissão. Neste caso, é utilizado o isolamento em ambiente domiciliar, podendo ser feito em hospitais públicos ou privados.
Ainda segundo a norma do Ministério da Saúde, o isolamento é feito por um prazo de 14 dias – tempo em que o vírus leva para se manifestar no corpo – podendo ser estendido, dependendo do resultado dos exames laboratoriais.
Casos suspeitos que estão sendo investigados também devem ficar em isolamento. Se o exame der negativo, a pessoa é liberada da precaução.
“O isolamento não é obrigatório, não vai ter ninguém controlando as ações das pessoas. Ele é um ato de civilidade para a proteção das outras pessoas”, orientou o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira. Já a quarentena, segundo o Ministério da Saúde, é uma medida obrigatória, restritiva para o trânsito de pessoas, que busca diminuir a velocidade de transmissão do novo coronavírus. Ambas são medidas de saúde pública consideradas fundamentais para o enfrentamento da pandemia e Covid-19.

Viagem

Desde 13 de março, o Ministério da Saúde incluiu todos os viajantes internacionais na lista de pessoas que devem ficar isoladas. Ao retornarem, eles precisam permanecer em casa por sete dias. Se febre com tosse e falta de ar surgirem, a recomendação é procurar uma unidade de saúde. Se a pessoa manifestar apenas tosse, ou coriza, ou mal-estar, ou febre, uma opção é ligar para o 136 para que uma equipe de saúde passe as devidas orientações.
Antes mesmo dessa determinação do Ministério da Saúde, a servidora da Câmara dos Deputados Keila Santana foi orientada a trabalhar de casa depois de que, no último dia 10, chegou de Portugal com os dois filhos de 5 e 8 anos. “Fui informada pelo meu chefe sobre o ato do presidente da Câmara dos Deputados que, entre outras medidas, determinou o isolamento por 14 dias de pessoas que chegam de viagens ao exterior. Só no meu setor, somos cinco nessa situação”, disse.

Higiene

Para evitar a disseminação do vírus, o Ministério da Saúde recomenda medidas básicas de higiene, como evitar tocar olhos, nariz e boca sem que as mãos estejam limpas. Lavar as mãos com água e sabão, utilizar lenço descartável para higiene nasal, cobrir o nariz e a boca com um lenço de papel quando espirrar ou tossir e jogá-lo no lixo

segunda-feira, 16 de março de 2020

Prefeitura divulga Nota Técnica da Secretaria de Saúde


A Prefeitura de Águas Lindas de Goiás segue o Plano de Contingenciamento para evitar que o coronavírus se alastre pela cidade. Para isso, a Secretaria Municipal de Saúde determinou hoje que irá reprogramar em até 50% os atendimentos ambulatoriais da Policlínica e redistribuir nas agendas de atendimentos os serviços para evitar aglomeração de pacientes nas recepções das unidades de saúde.
Além disso, a nota informa sobre a suspensão do acompanhamento do Programa Bolsa Família por 15 dias nas Unidades Básicas de Saúde.
Para os profissionais de Saúde, fica recomendado que os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) são papel fundamental frente ao combate da pandemia devem orientar sobre pesquisa da existência de algum morador com sintomas respiratórios e caso necessário, o mesmo deve informar imediatamente o enfermeiro responsável pela unidade.
Os ACS’s também devem orientar as famílias sobre o período emergencial, tirando dúvidas sobre os procedimentos básicos e alertando sobre a importância do isolamento domiciliar.
Todas estas medidas visam o controle do vírus, e a recomendação continua sendo a permanência em casa. A partir de hoje, os comércios devem fechar as portas e a população deve permanecer em suas residências para evitar o contagio.

domingo, 15 de março de 2020

Após desencorajar atos, Bolsonaro compartilha vídeos de manifestações..


Brasília



Atualizada em 15/03/2020 
Depois de desencorajar atos marcados para hoje em rede nacional de televisão e rádio devido à propagação do coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) compartilhou nas redes sociais pelo menos 13 vídeos de manifestações deste domingo (15) pelo Brasil.
O primeiro vídeo compartilhado foi postado originalmente pelo deputado federal Éder Mauro (PSD-PA), que ontem já havia convocado apoiadores de Bolsonaro a irem às ruas apesar da pandemia mundial e da orientação do Ministério da Saúde para que pessoas não fiquem em aglomerações.

sexta-feira, 13 de março de 2020



Notícia de Águas Lindas – Secretaria Municipal de Saúde realiza capacitação para os servidores sobre o Coronavírus
A Prefeitura de Águas Lindas por meio da Secretaria Municipal de Saúde e da Vigilância Sanitária realizaram um curso de capacitação para os servidores do Hospital Municipal Bom Jesus, sobre o Coronavírus (COVID-19).
A capacitação foi ofertada aos servidores para que possam compreender melhor sobre o novo vírus e saibam agir conforme o protocolo, assim como para informar a população.
Na capacitação foi perpassado o protocolo de atuação em casos de suspeita e confirmação do Coronavírus em pacientes, como também sobre a prevenção contra a doença.
De acordo com o secretário Municipal de Saúde, Eduardo Rangel, a capacitação é necessária para esclarecimentos de dúvidas da população. “Os nossos servidores da área da Saúde foram orientados sobre a doença, e para que o plano de contingenciamento pudesse ser apresentado, e as medidas de prevenção contra o Coronavírus fossem tomadas”, ressaltou.
Nesta semana o Hospital Municipal Bom Jesus recebeu a entrada de um jovem de 19 anos, morador da cidade, com a suspeita de contrair o vírus no aeroporto de Brasília, local que trabalhava. Os devidos exames de detecção foram coletados e é esperado o resultado laboratorial.
Desde o início dos alertas da Organização Mundial de Saúde (OMS), a Prefeitura de Águas Lindas desenvolve o Plano de Contingência contra o novo Coronavírus, com a instituição do Centro de Operações de Emergência, Intensificação de medidas para o reconhecimento do caso suspeito e confirmado, Instituição de medidas para evitar a disseminação e promover o controle da doença, capacitação de todos os profissionais da saúde do município e a união de forças com todas as secretarias municipais.
O prefeito Hildo do Candango destacou a importância de ficarmos atentos aos acontecimentos para proteger a nossa população. “Estamos acompanhando com grande preocupação os casos confirmados no Distrito Federal e região. Por conta disso, pedimos à população que se proteja e siga as recomendações do Ministério da Saúde. Águas Lindas tem o primeiro caso de suspeita da doença, o que nos deixa em alerta. E nesse momento é importante que todos contribuam para que o vírus não se propague”, declarou.

quarta-feira, 11 de março de 2020








Inscrições abertas para Workshop para pessoas com deficiência na
Secretaria de Assistência Social

Para auxiliar as pessoas com deficiência a desenvolverem ainda mais as suas
potencialidades no mercado de trabalho, a Secretaria Municipal de Assistência
Social, em pareceria com a JBS de Brasília realizarão um Workshop.
Os temas abordados na palestra serão:
- Recrutamento e seleção;
- Preparação do currículo;
- Marketing pessoal.

Para participar basta ter cadastro atualizado no SINE e levar o currículo e a
documentação pessoal na Secretaria Municipal de Assistência Social, para
preencher a ficha de inscrição. Procurar a coordenação do Programa
ACESSUAS Trabalho.
O dia da ministração do Workshop, será no dia 12 de março, de 14h às 16h, no
endereço: Quadra 01, lote 21, Vivendas Paraíso. A equipe do RH da JBS de
Brasília, juntamente com as equipes da Secretaria Municipal de Assistência
Social, realizarão a palestra.

terça-feira, 10 de março de 2020






Equipes de obras realizam limpeza urbana em diversos setores da cidade

A Prefeitura de Águas Lindas, por meio da Secretaria Municipal de Obras, está
realizando a limpeza urbana nos bairros Mansões Centro-Oeste, Mansões
Olinda e Mansões Village, nesta semana.
Todos os dias, a Secretaria de Obras designa uma de suas equipes para
realizar essa atividade em diversos pontos da cidade, com o intuito de manter a
cidade limpa e proporcionar mais qualidade de vida para todos os moradores.
Embora esse serviço seja realizado constantemente, é comum presenciarmos
o descarte de lixos em locais inapropriados. Por esse motivo, a Prefeitura de
Águas Lindas conta com a ajuda dos moradores para manter a cidade mais
cada vez mais limpa.
Para solicitar os serviços da Secretaria Municipal de Obras, basta entrar em
contato pela central de atendimentos, através do número (61) 3613-9458.
A Prefeitura de Águas Lindas continuará trabalhando para promover mais
conforto, infraestrutura, comodidade e qualidade de vida para toda população.

terça-feira, 3 de março de 2020


Prefeitura de Águas Lindas entregará novos veículos e maquinários para cidade

Para que os serviços públicos continuem sendo realizados com êxito em diversos departamentos administrativos da cidade, a Prefeitura de Águas Lindas realizará a entrega de veículos e maquinários novos para cidade.
Os novos veículos auxiliarão os servidores a desempenharem as suas funções e atenderem as necessidades da população. Serão entregues além de automóveis destinados à Secretaria Municipal de Assistência Social e Conselho Tutelar, novos maquinários para a Secretaria Municipal de Obras, tais como:
- Roçadeira;
- Trator agrícola;
- Carreta agrícola;
- Motoniveladora;
- Caminhão basculante.

O evento de entrega de veículos acontecerá nesta quarta-feira (04/03), por meio de carreata, às 14h30min, com concentração no Melhor Atacadista até a Praça da Bíblia. E será aberto a toda população águaslindense.

domingo, 1 de março de 2020


COMISSÃO MISTA APROVA MP DO ABONO NATALINO PARA O BOLSA FAMÍLIA

A Comissão Mista do Congresso criada para analisar a Medida Provisória (MP) 898/2019, que prevê o pagamento do 13º benefício do Bolsa Família, aprovou hoje (3) o relatório do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). O relatório segue para o plenário da Câmara dos Deputados.
Randolfe alterou o texto da MP, ampliando o pagamento do benefício extra, a ser pago a título de abono natalino, em todos os anos. O texto do governo previa o pagamento apenas em 2019, mas o relator fez a alteração.
“O programa atende famílias carentes em situação extrema de pobreza e, muitas vezes, é a única renda das famílias beneficiárias”, disse o senador, explicando que “o abono natalino deve ser se tornar permanente, sendo uma política de Estado”.
O Bolsa Família atende, atualmente, mais de 13,9 milhões de famílias que vivem em situação de extrema pobreza, com renda per capita de até R$ 89 mensais, e de pobreza, com renda entre R$ 89,01 e R$ 178 mensais por membro. O benefício médio pago a cada família é de R$ 189,21.
Em seu relatório, Randolfe também incluiu na MP o abono para beneficiários do Benefício de Prestação Continuada (BPC). “Com a concessão do 13º aos beneficiários do BPC, corrigiremos essa desigualdade e garantiremos a isonomia entre esses beneficiários e os demais do INSS, que já recebem a renda extra no mês de dezembro de cada ano”, disse o senador.
Na sequência da aprovação na comissão mista, composta por deputados e senadores, o relatório segue para apreciação da Câmara. Lá, os deputados vão decidir se aprovam a MP original, o relatório de Randolfe ou se rejeitam qualquer dos textos. Em caso de aprovação, o texto segue para apreciação dos senadores.
Por Agência Brasil

sábado, 29 de fevereiro de 2020


Reviravolta no cenário político do município

Dizem que política muda igual nuvem, entretanto, quem não sabe calcular o vento, jamais poderá se valer da chuva. Falando de Caçu, município que tem aproximadamente dez mil eleitores e está situado ao extremo sudoeste goiano, tratamos também da realidade de vários outros. Lá, a população respira política, que é sempre bastante acirrada. Por lá, pela primeira vez na história, uma mulher do MDB está a frente da gestão pública municipal, enquanto um ex-prefeito do PSDB tenta voltar ao poder. Gilmar Guimarães perdeu a sua reeleição justamente para Ana Claudia Lemos, que dizem estar fazendo uma gestão histórica, o que está longe de garantir a ela a própria reeleição. Gilmarzinho, como é conhecido, está tentando a todo custo voltar ao poder, sobretudo, a falta das mãos de fada do ex-governador Marconi e um balancete reprovado pela câmara municipal está o impedindo de concorrer. O fato é que ele é um homem que não desiste do poder nunca, e já está fechado e articulado com o Zé Carlos da Herbalife, liderança emergente e que conta com todo o apoio da igreja. Para compor chapa com Zé, na vice, estará a esposa de Gilmar. Viram o tamanho do quebra-cabeças? E no seu município, como está? Da redação

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020


Conheça os serviços do CRAS e do CREAS e entenda como estes podem ajudar os cidadãos e as suas famílias, desde situações de desemprego, doença até a falta de acesso ao mercado de trabalho.
O CRAS
CRAS é o Centro de Referência de Assistência Social e o CREAS é o Centro de Referência Especializado de Assistência Social.
No CRAS os principais serviços são os de inscrição e atualização no Cadastro Único, solicitação e entrega da Carteira do Idoso, solicitação do BPC e do Programa Bolsa Família, solicitação da Tarifa Social de Energia, atendimento psicológico, visitas domiciliares, entre outras atividades, tais como: rodas de conversa e até projetos com gestantes, como ocorre em Águas Lindas. Os serviços do CRAS visam prevenir a ocorrência de situações de risco social para as famílias e prestar orientações para que estas adquiram autonomia, onde possa garantir a manutenção de cada indivíduo membro destas famílias.
O CREAS
No CREAS os principais serviços são os de proteção social para vítimas de alguma violência física, sexual ou psicológica, de abandono, negligência, descriminação social e maus tratos.
Também oferece orientação social para adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa de Liberdade Assistida (LA) e de Prestação de Serviços à Comunidade (PSC). Atende também pessoas em situação de rua.
Os serviços do CREAS atuam na orientação de indivíduos que sofreram ou estão passando por uma violação de seus direitos e que necessitam de proteção social, como por exemplo: serem abrigadas por motivos de risco à sua vida. No CREAS também são realizadas visitas domiciliares e atendimento psicológico.
Diferenças entre estas unidades
Essa é a diferença entre o CRAS e o CREAS. O CRAS atua na prevenção da ocorrência de risco sociais das famílias e indivíduos, já o CREAS atua na proteção social de indivíduos que tiveram os seus direitos violados e correm riscos contra a própria vida ou contra a comunidade.
Ambas as unidades possuem equipe especializada para os atendimentos. Estes ocorrem de forma individual e as informações são sigilosas, tendo acesso as mesmas somente as equipes que tratarão da resolução dos casos, podendo também enviarem encaminhamentos para outros órgãos que auxiliarão nestes casos.
Porém há também reuniões coletivas que abordam diferentes temáticas de interesse do público atendido, estas são: a de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF) e a de Proteção e Atendimento Especializado à Famílias e Indivíduos (PAEFI).
Onde encontrar
As unidades CRAS do município são: CRAS Barragem 2, no bairro Jardim da Barragem 2, no CRAS CEU, no bairro Setor 11 e no CRAS Santa Lúcia, no bairro Santa Lúcia. Já a unidade CREAS está localizada no setor 2.
Para solicitar qualquer um dos serviços o requerente deve ir até uma destas unidades, seja CRAS ou CREAS para receber informações sobre os serviços que se deseja adquirir ou conhecer.
Nacional

Leia também