.

.

Hora Certa pra você

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Projeto Justiça Educacional de Águas Lindas de Goiás foi um sucesso



Aconteceu na manhã desta segunda feira (13) na quadra da Escola Municipal 
Vereador Érico de Souza Ferreira o encerramento da 1a edição do projeto 
“Justiça Educacional – Cidadania e Justiça Também se Aprendem na Escola”, 
na comarca de Águas Lindas de Goiás. Oito escolas municipais participam da 
iniciativa, que também envolveu crianças e adolescentes acolhidos na Casa de 
Moisés.
Participaram da solenidade as diretoras das escolas envolvidas, o vice
prefeito Luiz Alberto Jiribita, o secretário de Educação do município Silvério 
Correa, o presidente do Conselho Municipal de Educação Professor Manoel 
e a Magistrada responsável pela implantação do projeto em Águas Lindas de 
Goiás Dra Célia Regina Lara.
O vice-prefeito Luiz Alberto enalteceu a iniciativa do Tribunal de Justiça de 
Goiás e orientou a todos os alunos a acreditarem na educação. “Vocês são 
o futuro e é por isto que devem estudar muito para que se tornem grandes 
cidadãos que irão nos substituir, isto será possível se vocês trilharem o 
caminho do bem, a educação é o caminho”.
O secretário de Educação Silvério Correa agradeceu o empenho e a dedicação 
da Juíza Célia Regina que se tornou a grande madrinha deste projeto e que 
mesmo estando trabalhando em outro município não deixou de visitar cada 
escola para levar a sua mensagem de incentivo trazendo muito conhecimento 
para as nossas crianças.
O programa é uma ação do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), 
em parceria com a Associação dos Magistrados do Brasil (AMB), desenvolvido 
nas comarcas goianas com estudantes das redes municipal e estadual de 
ensino. Na comarca, a responsável pela implantação do projeto foi a juíza Célia 
Regina Lara.
Para a magistrada, não se pode ignorar o fato de que a educação é o 
instrumento mais poderoso que um país pode acionar para resgatar e fortalecer 
a cidadania. "Participar de um esforço que une instituições e a sociedade 
na busca de uma realização mais ampla da Justiça, como a implantação 
deste projeto, uma iniciativa valiosa para a compreensão da importância do 
Judiciário. Possibilitando o reconhecimento e fortalecimento da cidadania", 
afirmou. 
Ela ressaltou ainda que o conhecimento dos direitos e deveres afaste a 
violência do ambiente escolar e motiva o comprometimento do cidadão com 
o futuro do País. Célia Regina salientou que o projeto lança as bases da 
Justiça preventiva. Em Águas Lindas, será desenvolvido em parceria com a 
Secretaria de Educação do Município e atendeu aproximadamente 300 alunos, 
matriculados no 5o ano de oito escolas. O sucesso foi tão grande que está 
previsto a sua expansão para toda rede municipal de ensino ampliando o 
alcance do programa.
A iniciativa atenderá também crianças e adolescentes acolhidos na Casa de 
Moisés. Entre as atividades realizadas a partir do projeto, estão o concurso de 
redação com o tema Águas Lindas de Goiás e Justiça: Para cada Direito, um 
Dever. Os três primeiros colocados foram premiados.
Durante a solenidade, as escolas realizaram apresentações: Escola Municipal 
Jardim Querência – Apresentação de Dança; Escola Municipal Edinalda 
Guedes – Música Direitos e deveres das crianças; Escola Municipal Jose 
Vitorino – Apresentação de Dança tem como fundo musica ‘Aquarela”. Escola 
Municipal Emília – Poema Virtude Justiça; Escola Municipal Orlando Soares – 
Jogral dignidade e Justiça, é isto que o povo quer?; Escola Municipal Jardim 
América – Música Cidadão Zé Geraldo; Escola Municipal João Elísio – 10 
amigos e hino da cidadania; Escola Municipal Meg Luz – Poesia Direitos e 
Deveres.
Da Assessoria de Imprensa da Prefeitura
Fotos: ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também