.

.

Hora Certa pra você

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Mutirão de Plantio da Virada do Cerrado 2016

O Riacho fundo II participa amanhã(24) e domingo(27) do Mutirão de Plantio da Virada do Cerrado em áreas urbanas no Centro Educacional Agro urbano Ipê CAUB 1 e Conselho da ARIE Granja do Ipê. Serão 2 dias de atividades pela manhã.
As ações do Mutirão de Plantio Virada do Cerrado acontecem de 13 de novembro a 11 de dezembro de 2016, em varias regiões do DF e no Parque da Cidade.

O propósito dessa atividade é, além de promover a recuperação do bioma Cerrado e de suas funções ecossistêmicas, sensibilizar e mobilizar a sociedade brasiliense acerca dos temas socioambientais, especialmente aquelas pessoas que querem ajudar de alguma forma, mas não têm atuação ou familiaridade com esses temas.

Qualquer duvida estamos a disposição.

Att,

Nathalia 




Plantar árvore é plantar água ! Mutirão de Plantio da Virada do Cerrado 2016 fará distribuição de 3000 mudas em vários locais do DF.
Com atividades em 09 regiões administrativas do DF, mutirão de plantio pretende sensibilizar o cuidado com meio ambiente e plantar mais de mil mudas e sementes nativas do cerrado.

Já foram distribuídas cerca de 800 mudas em três regiões do DF. Entre os dias 13 de novembro e 11 de dezembro mais cidades   serão contempladas pelo Mutirão de Plantio da Virada do Cerrado. A ação é uma iniciativa da Secretaria do Meio Ambiente do Governo do Distrito Federal - SEMA, com apoio do Comitê Criativo da Virada do Cerrado, que esse ano contou com mais de 80 organizações, dentre elas sociedade civil, governo, empresas e universidade. O mutirão terá apoio técnico de pessoas que já trabalham com plantio de mudas, agroflorestas e agricultura familiar. Além dos educadores ambientais da SEDESTMIDH - Secretaria Adjunta de Desenvolvimento Social, os plantios serão realizados por técnicos do Projeto Re-Ação, GT de Agricultura Urbana do Nossa Brasília, CSA/Comunidade que Sustenta a Agricultura, Prefeituras das Quadras 216 e 416 Asa Norte e Escola da Natureza - Parque da Cidade. 

O Mutirão de Plantio da Virada do Cerrado foi criado em 2015, logo após a sua primeira edição. Esta é a continuidade do Programa e esta ação é para compensar as emissões de carbono equivalente geradas pela realização dos dias de atividades da Virada do Cerrado que ocorreram em setembro. O propósito dessa atividade é promover a recuperação do bioma Cerrado e de suas funções ecossistêmicas, e, sobretudo sensibilizar e mobilizar a sociedade brasiliense acerca dos temas socioambientais, especialmente aquelas pessoas que querem ajudar de alguma forma, mas não têm atuação ou familiaridade com esses temas. 
Este ano o Mutirão está diversificado, pois integrará ações em áreas urbanas, áreas de agroflorestas, unindo agricultura familiar com plantas nativas do cerrado, parques e manejo de nascentes. 
O objetivo das atividades é preparar as pessoas para realizar esses plantios de forma correta, já que o índice de mortalidade das mudas é muito grande, seja porque são plantadas em épocas erradas ou, em locais não propícios para cada espécie.
O Cerrado guarda nascentes das três maiores bacias hidrográficas da América do Sul: São Francisco, Araguaia-Tocantins e Prata, por isso é conhecido como o “Berço da Águas”. Tendo em vista a ausência de chuvas fortes, o calor e o aumento do consumo, Brasília enfrenta a pior crise hídrica da história. O principal reservatório de abastecimento da região, a Barragem do Rio Descoberto, atingiu 20,68% da capacidade, o menor porcentual até hoje registrado. O ideal é que o nível da água seja superior a 60%. A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (ADASA) declarou estado de alerta e racionamento no DF, além da redução do nível das barragens, a vazão de rios caiu de forma drástica. Brasília vive um período de seca nesta época do ano, então é hora de plantar! 

O viveiro do Senado doará 1000 mudas para o mutirão da Virada do Cerrado. Esta parceria integra o “Programa Carbono Menos” que faz parte do Núcleo de Coordenação de Ações Socioambientais do SenadoFederal. Parceiros como ICMBIO – CECAT, Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Rural(SEAGRI), IBRAM,NOVACAPJardim Botânico de Brasília, FAL (Fazenda Água Limpa - UnB)Centro Educacional Agrourbano Ipê (CAUB I - Riacho Fundo II), Conselho da ARIE Granja do Ipêtambém ajudarão com ferramentas, e doação de mudas, sementes, podas orgânicas, trados, cama de cavalo e adubo.


Plantando na época da chuva garantimos que a muda que for plantada adquira raízes suficientes para se estabilizar e conseguir sobreviver no período da seca. A ideia é mostrar para a população como é o bioma cerrado, quais são as árvores nativas e a importância que essas árvores tem para o ecossistema continuar funcionando de forma eficaz para o bem estar da natureza e de todos nós. 
A programação irá alcançar as regiões de Brazlândia (Parque Veredinha), Lago Norte e Varjão (Córregos do Torto e do Palha), Lago Sul (Parquinho da QI 26), Plano Piloto (Parque da Cidade, SQN 206 e 416) Recanto das Emas (Centro de Convivência Granja das Oliveiras), Riacho Fundo II (ARIE Granja do Ipê) e Park Way (SMPW Qd. 05 Cj. 01), todos eles com atividades específicas para cada área.
Nos próximos dias 24 e 27 de novembro, os moradores do Riacho Fundo II estarão convidados a participar do Mutirão de plantio de mudas do  cerrado, nas áreas urbanas do ARIE Granja do Ipê e CAUB 1. 
Para isso, queremos todos juntos, nesse movimento, crianças, jovens, servidores públicos, empresários, trabalhadores, ambientalistas, produtores, estudantes e donas-de-casa. Vamos revelar como o nosso Cerrado pode ser preservado, com a vegetação e as águas em equilíbrio.
Plantar árvore é plantar água! 
Para acessar toda a programação do Mutirão de Plantio da Virada do Cerrado e saber mais: http://tonavirada.org/mutirao-de-plantio/


SERVIÇO
Mutirão de Plantio da Virada do Cerrado 2016
Quando:  13 de novembro a 11 de dezembro de 2016
Onde: * 09 regiões administrativas do DF | 
* Lago Norte, Varjão, Lago Sul, Park Way, Santa Maria, Plano Piloto, Recanto das Emas, Riacho Fundo II e Brazlândia.
Classificação: Livre
Quanto: Entrada franca


Assessoria de Imprensa
Nathalia de Oliveira: 61 9. 9832-7792

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também