.

.

HORA CERTA

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

Notícias de Águas Lindas - Presidente da Amab Hildo do Candango se manifesta contra aumento de tarifa

O anúncio de reajuste das passagens de ônibus para região do Entorno do DF
foi autorizado pela Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) e
publicado no Diário Oficial da União.

Mediante ao anúncio oficial da Agência Nacional de Transporte Terrestre
(ANTT) de um aumento de 5,23% no preço da passagem para o Entorno, o
presidente da Amab, prefeito de Águas Lindas Hildo do Candango se
posicionou contra o reajuste.
Em entrevista concedida ao Jornal Opção de Goiânia, Hildo do Candango
apresentou propostas para melhorar as condições do transporte urbano na
região Metropolitana de Brasília em favor da população.
Hildo defendeu a ideia de um consórcio para gerir o transporte coletivo do
Entorno que atualmente é regulamentado pela ANTT. “Não apenas como
prefeito, mas também presidente da AMAB, sei das dificuldades reais da
população quanto ao transporte público e um aumento tarifário neste momento
trará desemprego a muitos moradores que trabalham no Distrito Federal”,
declarou o prefeito.
O Gestor águaslindense esclareceu que o transporte hoje é regulamentado
pela ANTT, que administra o transporte semiurbano do Brasil todo "e ela tem
um calendário anual de reajuste de tarifas. Porém, o transporte opera dentro
dos municípios e as gestões não têm gerencia ou autonomia dentro desse
transporte semiurbano, ou seja, a questão de tarifas, aumento de passagens,
criação de novas linhas, fiscalização desse transporte, tudo fica a cargo da
ANTT”, completou.
O presidente da AMAB destacou que a solução seria tirar a gestão do
transporte semiurbano do Entorno da ANTT, criando um consórcio que
possibilite que os municípios e o próprio GDF participem da regulamentação
desse transporte.
O prefeito frisou que a ANTT inclusive já tem como exemplo os municípios de
Timon (MA) e Teresina (PI) onde esse sistema já funciona e muito bem. “A
princípio nós desenvolvemos um projeto, analisamos o interesse dos demais
municípios em participar deste consórcio para um novo sistema de transporte e
todos concordaram e assinaram a petição.”
Sobre a implantação do Consórcio Hildo do Candango disse que as incursões
estão sendo feitas com o propósito de concretizar o projeto.
“Como todo o transporte do Entorno entra em Brasília há a necessidade de que
o GDF fosse um dos principais gestores desse novo transporte. Esse projeto foi

apresentado pelos demais prefeitos e pelo presidente da Amab, ao governador
Rodrigo Rollemberg e ao secretário de Transporte, porém não houve
engajamento político nesse sentido. Então o projeto ficou parado, mas não
desistimos. Esse é um projeto que pode resolver o problema de transporte da
região do Entorno, acreditamos nele. Esperamos que agora, com a mudança
de governo, o novo governador junto com o secretário de transporte", finalizou
Hildo do Candango.
No ano passado, o percentual variou de 5,4% a 7,1%, dependendo do tipo de
concessão. A ANTT, informou que inicialmente o reajuste não atingirá as linhas
que fazem parte do contrato específico.
O reajuste não afetará as seguintes linhas:
- De Mansões Marajó (Cristalina) para Brasília;
- Do Novo Gama para Taguatinga;
- De Águas Lindas de Goiás para Taguatinga;
- Do Novo Gama para Gama-DF;
- De Águas Lindas de Goiás para Ceilândia;
- De Cocalzinho de Goiás (Girassol) para Brasília;
- De Cocalzinho de Goiás para Taguatinga.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também