.

.

HORA CERTA

terça-feira, 5 de fevereiro de 2019

Novidade: projeto para ressocialização de detentos foi apresentado como proposta em Águas Lindas de Goiás


O projeto de recuperação de detentos foi desenvolvido pela Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac), e recentemente foi apresentado em audiência pública em Águas Lindas de Goiás, com participação do presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), o desembargador Gilberto Marques Filho.

A Apac é uma entidade civil, sem fins lucrativos, que visa promover assistência às vítimas de crimes e a proteção da sociedade, como também auxilia na recuperação do recluso, no que se refere a sua reintegração social.

O projeto tem como um de seus objetivos, profissionalizar o preso, para que o índice de reincidência criminal seja menor, assim oferecendo atividades como: aulas de ensino fundamental e médio, de padaria, de carpintaria e de serralheria, assim como fornecer assistência religiosa e familiar, para que este seja estimulado a construir uma nova expectativa de vida, onde estará apto à ressocialização e reintegração na sociedade.

Uma das demais propostas do projeto, foi implementar a disciplina na rotina do preso por meio de programações específicas, onde este além de atividades de profissionalização e ressocialização, não precisaria aliar-se a organizações criminosas no interior das dependências da Apac, para se sentir menos ameaçado ou protegido contra esses grupos.

“Foi presentada para a sociedade de Águas Lindas a implementação de um novo modelo de execução de cumprimento de pena, por isso convido toda a comunidade a participar. A Apac é um sistema de cumprimento de pena extremamente rígido em relação às regras de prisão. Ela estabelece uma programação diária para o preso, que envolve um conjunto de atividades que visam a ressocialização”, explica o juiz da execução penal da 1ª Vara Criminal de Águas Lindas, Leonardo Lopes dos Santos Bordini.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também