A notícia em primeira mão: APAE Anápolis realiza capacitação de servidores da saúde para diagnostico de doença rara

quinta-feira, 18 de julho de 2019

APAE Anápolis realiza capacitação de servidores da saúde para diagnostico de doença rara

A Secretaria Municipal de Saúde mantém parceria com A Associação de Pais e
Amigos dos Excepcionais de Anápolis (APAE) para a realização do teste do
pezinho para detecção precoce de doenças raras. E para aumentar a
capacidade de diagnostico da rede municipal de atenção básica de saúde,
representantes da instituição estiveram na última semana realizando a
capacitação dos servidores para detecção da doença rara MPS 2
(Mucopolissacaridose tipo 2).
O secretário municipal de Saúde, Eduardo Rangel, enalteceu a iniciativa da
APAE Anápolis em promover esta capacitação que vem ao encontro do
fortalecimento da rede municipal de atenção básica a saúde, que passa por um
grande processo de planificação dos serviços. “Nós agradecemos aos
representantes da APAE ao proporcionar esta capacitação aos nossos
servidores.
Essa instituição já é nossa parceira na realização do teste do pezinho, para
diagnosticar precocemente doenças pouco conhecidas, isto é importante para
o encaminhamento para um atendimento especializado”, disse o secretário.
A capacitação foi ministrada pela enfermeira da APAE Anápolis, Fernanda
Arantes, e por Thiago Carvalho, consultor científico do laboratório Takeda,
onde abordaram aspectos da doença que podem auxiliar as equipes no
entendimento, suspeição e encaminhamento dos pacientes para um
diagnóstico mais preciso e início do tratamento, assim melhorando a qualidade
de vida dos pacientes.
Os atendimentos e acompanhamentos são feitos pelo Programa Estadual de
Triagem Neonatal (através de detecção precoce pelo Teste do Pezinho). A
APAE Anápolis realiza os seguintes tipos de atendimento e serviços ofertados:
 Busca ativa;
 Atendimento multidisciplinar especializado;
 Orientação e apoio às famílias dos usuários;
 Integração social dos usuários;
 Prevenção de sequelas e proliferação de doenças neonatais;
 Atendimento e acompanhamento em Doenças Raras (por meio de
encaminhamento via sistema de regulação) para o Centro-Oeste do Brasil;
 Atendimento multidisciplinar especializado;
 Aconselhamento genético;
 Orientação e apoio às famílias atendidas;
 Integração social dos usuários;

 Prevenção de sequelas.

“Essa capacitação além de fornecer mais conhecimento para os profissionais
de saúde do município, auxiliará na detecção de doenças de forma precoce o
que irá intervir diretamente na saúde coletiva em Águas Lindas.
Essas melhorias e ações diferenciadas ocorrem por conta do apoio e incentivo
do nosso prefeito Hildo do Candango, que busca por recursos e inovações na
área da saúde, pois essa é uma das suas prioridades enquanto gestor”,
informou o secretário Eduardo Rangel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também