.

.

HORA CERTA

sexta-feira, 5 de julho de 2019

OAB-GO realiza flagrante contra servidor do sistema prisional em ato de exercício ilegal da advocacia

A Ordem dos Advogados do Brasil – seção Goiás (OAB-GO) realizou, na última quinta-feira (4), com o apoio da Polícia Militar, flagrante contra um servidor concursado do sistema prisional em ato de exercício ilegal da advocacia. O suspeito foi encaminhado ao 1º Distrito Policial de Goiânia (Rua 66, nº 12, Centro), para a lavratura de Termo Circunstanciado de Ocorrência. (TCO). A ação foi conduzida pela Comissão Especial de Combate ao Exercício Ilegal da Profissão e Captação de Clientela da OAB-GO, presidida pelo advogado Luciano Cardoso. O agente está sujeito às penas da lei nos âmbitos criminal e administrativo, por tratar-se de servidor público. Conforme informações iniciais, o suspeito, que não teve seu nome revelado, atuava ilegalmente como se fosse um advogado em um escritório no Edifício Parthenon Center, região central de Goiânia, onde dava expediente diário das 13 às 18 horas. Inclusive, conforme apurado, ele marcava atendimento para recebimento de clientes. Foi inclusive dessa forma que a OAB-GO, após receber denúncia, conseguiu flagrá-lo no exercício ilegal da profissão. Segundo o que já foi apurado, o suspeito, que é bacharel em Direito, confeccionava peças jurídicas, o que é prerrogativa apenas de advogado regularmente inscrito na OAB. Rota Jurídica

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também