A notícia em primeira mão: Amamentação é fundamental para o desenvolvimento da criança

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Amamentação é fundamental para o desenvolvimento da criança

A amamentação é a principal fonte de nutrientes para a criança, como também
é ideal para a manutenção da saúde da mulher e da criança nas primeiras
fases após a gestação.
Posteriormente ao parto a mulher já pode começar a amamentar o seu filho.
Nos primeiros dias após o parto a mulher produz o leite com tom mais
amarelado e mais grosso, este é chamado colostro.
No colostro há maior índice de anticorpos e células maduras do que no leite
maduro (que é produzido após o período do colostro). O colostro gera mais
imunização para a criança contra diversos tipos de vírus e bactérias que esta é
exposta nos seus primeiros contatos com o ambiente em que está inserida.
Neste tipo de leite também há substâncias que auxiliam no estímulo do
desenvolvimento do intestino da criança, como também tem efeito laxativo que
auxilia na eliminação do mecônio (primeiras fezes da criança). Ajuda a evitar a
icterícia (pigmentação amarelada ou verdeada da pele e da parte branca dos
olhos).
Em casos da criança chegar a ingerir leite de vaca ou de outros animais pode
passar a sofrer com alergias e com problemas intestinais. Terminada as
primeiras fases após a gestação, a mulher passa a produzir leite maduro, cujo
o aspecto é diferente do colostro, porém também contém grande quantidade de
nutrientes, tais como: proteína, lactose, vitaminas, minerais, gordura, água,
entre outros.
Os principais nutrientes que o corpo da criança necessita para o seu
desenvolvimento nos seis primeiros seis meses encontrasse também no leite
materno, há também no mesmo componentes imunológicos que auxiliam na
proteção contra doenças.
Cada mulher produz o “leite ideal” para o seu filho, não havendo assim “leite
fraco” e este é o tipo essencial de alimento que a criança precisa, pois este é
bem absorvido e também é tolerado pela criança, assim esta obtém uma
digestão mais fácil e a diminuição das cólicas.
A amamentação beneficia também a mulher, pois por meio deste ato, além de
criar vínculo afetivo com a criança, o útero desta passa a voltar para o tamanho
normal mais rapidamente, como também apresenta menos chances de
desenvolver anemia, hemorragias, câncer de mama e de ovários
posteriormente ao parto. A mulher também corre menos riscos de sofrer
osteoporose e voltará ao peso normal mais rapidamente.

Também é importante no processo da amamentação que a mulher e a criança
fiquem em posição confortável e que seja observada a pega do bebê no seio
da mãe, para que consiga sugar a quantidade correta de leite.
Os médicos e especialistas recomendam que nos primeiros meses de vida a
criança receba somente o leite materno e que após os seis primeiros meses
sejam oferecidos à criança outros alimentos, porém a mulher pode optar por
amamentar o seu filho até 02 anos de idade ou mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também