A notícia em primeira mão: Conselho de Saúde terá primeira presidente do segmento sindical

segunda-feira, 9 de setembro de 2019

Conselho de Saúde terá primeira presidente do segmento sindical

Por 21 votos a favor e seis contrários, a servidora Jeovânia Rodrigues Silva foi eleita presidente do Conselho de Saúde do Distrito Federal para o biênio 2020-2021. Escolhida na manhã desta sexta-feira (6), em eleição realizada no auditório do Hemocentro do DF, Jeovânia é a primeira representante do segmento sindicalista da saúde a ocupar o cargo. Além da presidente, também foram escolhidos os novos integrantes da mesa diretora do Conselho de Saúde. Como Jeovânia Rodrigues representa os trabalhadores, os demais membros do colegiado são o vice-presidente do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF), Sérgio Luiz da Costa, em nome dos gestores; e Domingos Filho e Lourdes Piantino, representante do segmento de usuários da rede pública de saúde. Lourdes Cabral Piantino já ocupou por duas vezes seguidas a gestão anterior do conselho, encerrada em 31 de agosto deste ano. Foi a primeira vez que o órgão foi presidido por usuário (a) da saúde pública. Até então, todos os presidentes eram membros da gestão da Secretaria de Saúde. POSSE Presente à eleição, o secretário de Saúde, Osnei Okumoto, parabenizou o processo de escolha e empossou todos os membros do novo conselho, titulares e suplentes. Com mandato de quatro anos, eles foram designados para o quadriênio 2019-2023 e nomeados na edição extra do Diário Oficial do DF desta quinta-feira (5). “Houve [na eleição] muita harmonia, muito humor e, principalmente, a competência dessa mesa diretora, que vai nos dar a direção e o andamento para melhorar a saúde do DF, de acordo com todas as aprovações e propostas que serão deliberadas. E, logicamente, utilizadas e publicadas pela Secretaria de Saúde”, afirmou Okumoto. O Conselho de Saúde do DF é a instância máxima de deliberação do Sistema Único de Saúde (SUS). De caráter permanente, tem a missão de fiscalizar, deliberar, acompanhar e monitorar as políticas públicas de saúde. Com informações da Secretaria de Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também