A notícia em primeira mão: França confirma morte de terrorista líder de facção da Al-Qaeda no Sahel africano

sexta-feira, 22 de outubro de 2021

França confirma morte de terrorista líder de facção da Al-Qaeda no Sahel africano

 Al Tergui era membro da Al-Qaeda desde 2012, e posteriormente se juntou ao JNIM, uma coalizão de milícias jihadistas atuantes na região do Sahel da África Subsaariana formada em 2017. “Ele se especializou notavelmente em plantar artefatos explosivos improvisados”, afirma o comunicado do exército francês.

Ainda de acordo com os militares, a morte dele “reduzirá a capacidade de causar danos desse grupo terrorista armado conhecido por realizar ataques contra as forças locais e numerosos atos de violência contra a população local”.

missão Barkhane, do exército francês, usou um drone para localizar Al Tergui e os outros membros no dia 15 de outubro, em um acampamento. No dia seguinte, um helicóptero militar foi enviado ao local, mas o veículo com os extremistas se recusou a parar. “Dois ataques aéreos foram desencadeados, o veículo foi destruído, e os cinco ocupantes, neutralizados”, disse o exército.

A ação francesa chegou a ser noticiada anteriormente pela imprensa europeia, com base em informações da agência Efe. Num primeiro momento, surgiu o nome de Saghid Ag Alkhoror como sendo líder do JNIM morto na operação. Agora, o exército fez a identificação correta do terrorista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também