A notícia em primeira mão: Notícia de Águas Lindas – Prefeito Hildo do Candango orienta moradores a ficarem atentos com os focos do mosquito da dengue nas residências

sábado, 18 de abril de 2020

Notícia de Águas Lindas – Prefeito Hildo do Candango orienta moradores a ficarem atentos com os focos do mosquito da dengue nas residências

Notícia de Águas Lindas – Prefeito Hildo do Candango orienta moradores
a ficarem atentos com os focos do mosquito da dengue nas residências
Toda nossa preocupação está focada no novo coronavírus, mas não podemos
nos esquecer de outra epidemia, a dengue. O mosquito Aedes Aegypti não
para por causa da COVID-19, na verdade, ele anda mais ativo do que nunca.
O maior problema e o que mais preocupa as autoridades de saúde hoje, é que
o período de pico de propagação da dengue deste ano vai coincidir com outras
duas doenças, o da gripe Influenza H1N1 e do coronavírus que também se
espalham por todo país.
De acordo com o Ministério da Saúde, a curva crítica das três doenças vai
acontecer simultaneamente e o desafio do governo vai ser combater as três
doenças ao mesmo tempo.
Diante dessa situação, o prefeito de Águas Lindas, Hildo do Candango está
aconselhando todos os moradores a aproveitar esse período de isolamento
social para limpar tudo aquilo que pode atrair o mosquito da dengue.
“Aproveitem que estão em casa e limpem o quintal, eliminem focos de dengue
e vacine-se de acordo com o calendário”, disse.
O trabalho também precisa ser feito fora de casa. Não adianta limpar o seu
quintal e jogar o lixo no meio da rua ou em um terreno baldio. Mas ainda tem
muita gente que está fazendo isso e esse lixo acumulado pode trazer
consequências gravíssimas a saúde da população.
Na tentativa de diminuir a proliferação do mosquito da dengue no município, a
Prefeitura de Águas Lindas por meio da Secretaria Municipal de Saúde está
fiscalizando casas e terrenos.
“O trabalho é feito em todos ambientes domicilio e no tele domicílio, ou seja,
nos arredores do domicílio onde muitas vezes estão os criadouros do vetor. Os
agentes precisam entrar nos domicílios e vistoriar os possíveis focos de
dengue, fazer a remoção e identificar para os moradores onde pode ocorrer a
proliferação do mosquito. Essa parceria é fundamental para que se tenha a
redução dos índices”, declarou o vice prefeito, Luiz Alberto Jiribita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também