A notícia em primeira mão: Caiado inaugura UTIs neonatal e maternidade do Hospital de Uruaçu

terça-feira, 10 de maio de 2022

Caiado inaugura UTIs neonatal e maternidade do Hospital de Uruaçu

 Já em funcionamento, leitos intensivos são destinados ao atendimento de recém-nascidos. Novo complexo possui, ainda, 30 leitos e um centro obstétrico, com salas para partos normal e de condução cirúrgica. Nova estrutura atende demanda de cerca de 50 municípios da região

ia de medicina no Centro-Norte”, diz Ronaldo Caiado ao inaugurar ala voltada para maternidade e cuidados com recém-nascidos no Hospital de Uruaçu (Fotos: André Saddi)

O Hospital Estadual do Centro-Norte Goiano (HCN), localizado em Uruaçu, ganhou dez Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) Neonatal, cinco Unidades de Cuidados Intensivos Neonatais (Ucins), uma maternidade com 30 leitos e um centro obstétrico para partos normal e de condução cirúrgica. As estruturas, que já estão em funcionamento, foram oficialmente inauguradas nesta segunda-feira (09/05) pelo governador Ronaldo Caiado.

“Será o maior centro de referência de medicina no Centro-Norte do Estado. Não tem nada parecido com a estrutura que estamos transformando em realidade aqui”, assegurou o governador. A unidade de saúde dispõe de tecnologia e atendimento especializado para moradoras da região e seus respectivos bebês. “A mãe que tiver uma gravidez de risco não precisa mais se deslocar para Goiânia”, completou Caiado.

A ampliação da unidade surge como uma forma de garantir a saúde das gestantes da região Centro-Norte goiano, que terão no HCN um perfil assistencial de atendimento a casos de alta complexidade. Os novos setores do hospital vão funcionar em forma de circuito. Neles, as mulheres terão assistência durante a gestação, no parto e após o nascimento do filho. Trata-se de mais um passo no processo de regionalização da saúde promovido pela gestão Caiado.

Multiprofissional

As pacientes e os bebês serão assistidas por uma equipe multiprofissional, composta por pediatras, ginecologistas, neonatologistas, cirurgiões pediátricos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, enfermeiros e técnicos de enfermagem. Ainda, há possibilidade de realização de exames, tudo via Sistema Único de Saúde (SUS). “É difícil em algum lugar de Goiás, mesmo em hospital privado, ter o padrão de qualidade que o governador entrega hoje”, sublinhou o secretário da Saúde, Sandro Rodrigues.

Diretor-geral do HCN, João Batista da Cunha apresentou balanço sobre a unidade, que foi inaugurada em março do ano passado para atendimento exclusivo de pacientes com Covid-19, e iniciou os atendimentos gerais no final de novembro. Neste último período, foram 4,5 mil atendimentos em pronto-socorro e 7,2 mil consultas. “Em cinco meses, temos várias histórias de êxito de tratamento”, celebrou. O índice de satisfação dos pacientes é de 97%.

Atualmente, o hospital tem 247 leitos ativos, e a expectativa é ampliar para 307. A próxima etapa, prevista para julho, contará com a instalação de uma ala para tratamento de câncer. “O serviço de oncologia terá 36 leitos e 24 postos de atendimento à quimioterapia”, confirmou João Batista. “Vamos criar aquilo que não existe fora de Goiânia-Anápolis”, relatou o governador sobre o centro oncológico.

Gestão

O deputado estadual Henrique Arantes afirmou que os recentes avanços na saúde em Goiás são consequência de uma boa gestão estadual. “O poder público só funciona com parceria. Se o governador tem condição de fazer isso, hoje, é porque tem parceria com o parlamento, bom trânsito no Executivo nacional, nos ministérios, e conseguiu destravar o Estado”, disse. “Isso era um sonho de quase 50 municípios”, celebrou o deputado federal Delegado Waldir sobre o funcionamento do hospital em Uruaçu.

Estiveram presentes na solenidade os prefeitos Elieudes Moraes (São Luiz do Norte), Edmar da Cacilda (Estrela do Norte), Douglas de Faria (Campinaçu), Cleomar Contador (Campinorte), Elivan Carreiro (Uirapuru), Jacira Paiva (Montividiu do Norte), Luiz Martins de Oliveira (Mutunópolis), Tiago Andrade (Pilar de Goiás), José Ribeiro de Araújo (Nova Iguaçu) e o secretário de Saúde de Uruaçu, Josimar Nogueira. Também compareceram os diretores do HCN Virgílio Moreno e Heder Lúcio; o coordenador regional de Educação, Ricardo Pacanaro; os comandantes da Polícia Militar, coronel Franz Rasmussen; do Corpo de Bombeiros, Major Ary Bernardo Dutra dos Santos e do Batalhão Rural, capitão Marcos Antônio Lira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) Visitante

Deixe seu comentário.
Assim que o ler, publicarei e o responderei.
Volte para saber a resposta.

* Mas qualquer comentário ofensivo e insultuoso será
ignorado e não será respondido.

¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`• Um abraço¸¸.•´¯`•.¸¸•.¸¸.•´¯`•

Leia também